CS GO: Adolescente cria software para detectar cheats e ajuda a banir mais de 14.000 contas no FPS - GANHE SKINS GRÁTIS CSGO | NOVIDADES | CÓDIGOS PROMOCIONAIS | DICAS | GAMEPLAYS | LIVES

Top Post

Post Top Ad

Ads 728x90

7.12.19

CS GO: Adolescente cria software para detectar cheats e ajuda a banir mais de 14.000 contas no FPS

CS GO: Adolescente cria software para detectar cheats e ajuda a banir mais de 18.000 contas banidas no CSGO.




Um jovem adolescente britânico desenvolveu um programa para banir mais de 14.000 jogadores trapaceiros de Counter-Strike: Global Ofensive (CS GO). O desenvolvedor, chamado 2Eggs, criou o HestiaNet, uma inteligência artificial para ajudar a combater o problema. Até o momento, já foram banidas mais de 15.000 contas

A 2Eggs diz que se interessou pela tecnologia anti-fraude depois de assistir à demonstração do software sênior da Valve, John McDonald’s, na GDC 2018. Essa demonstração gerou o HestiaNet, tecnologia que é abastecida por demos dos jogos que datam de 2015 até o presente momento. Sendo assim, a inteligência artificial é treinada para detectar quaisquer comportamentos suspeitos durante o jogo, como movimentações de mira e do personagem fora do padrão de um jogador comum.



Mais de 18.000 casos já foram analisados
O software atua em CS GO sem interferência humana dentro da conta do próprio criador em sua casa, no Reino Unido. O programa funciona na análise de demos do Overwatch – uma ferramenta de fiscalização da própria comunidade que ajuda a Valve a detectar os trapaceiros. Assim, enquanto uma pessoa leva alguns minutos para analisar as jogadas do suspeito, o HestiaNet faz essa detecção em alguns segundos.
Quando entregue um relatório, o HestiaNet verifica e analisa as imagens, toma uma decisão e armazena o SteamID do usuário em um banco de dados. Se a conta for banida, o programa registrará isso, anotando informações específicas para ajudar a melhorar o processo no futuro.
 Com uma taxa de efetividade de 98,36%, o HestiaNet já analisou 17.659 casos e desse total, 15.356 foram considerados culpados e 15.104 já foram banidos pela desenvolvedora. Ademais, não é a primeira vez que 2Eggs ajuda a Valve. Em outubro, o criador do HestiaNet recebeu US$ 11.450 (cerca de R$ 48 mil) por detectar alguns erros e riscos de segurança na Steam




Nenhum comentário:

Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial

Post Top Ad

Ads 728x90